quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

A quarta voz


(1Co 14.10/1Sm 3.1-10)

“Há, sem dúvida, muitos tipos de vozes no mundo; nenhum deles, contudo sem sentido”. (Apóstolo Paulo – 1Co 14.10)


Lendo esse versículo, eu me lembrei do coral Kairós de nossa igreja. E me lembrei por quê? Porque dentro de um coral, existem muitos tipos de vozes: existem os sopranos, os contraltos, os tenores, e etc. E eu fico realmente perplexo em ver como é que eles conseguem ajuntar todos esses tipos de vozes e colocar em uma só canção fazendo com que aquela canção pareça estar sendo cantada por uma só pessoa, quando na realidade ela está sendo cantada por muitas vozes. Existem muitas vozes, todas com a sua importância definida, seu timbre definido, seu sentido definido.

E Paulo aqui neste versículo, nos traz uma revelação sobre os tipos de vozes que existem no mundo, e nos diz que cada uma dessas vozes tem um sentido especial, como em um coral quando canta, e expressa seu som. (1 Co 14.10). E existem pessoas que ouvem vários tipos de vozes, menos a voz de Deus. E eu quero aqui citar alguns exemplos:

·         Há pessoas que ouvem a voz do engano das religiões, mostrando que todos os caminhos levam a Deus.
·         Há pessoas que ouvem a voz da carne, dizendo: “bebamos e comamos, e vamos fazer o que quisermos, da forma que quisermos, porque amanhã morreremos”.
·         Há pessoas que ouvem a voz da angústia e do desespero, dizendo: “dê um fim a sua vida, pois viver não tem mais graça para você”.
·         Há pessoas que ouvem a voz do mundo, dizendo: “não siga a Jesus, não freqüente uma igreja, não se iluda com seus padrões e preceitos, e sim fique comigo, pois eu lhe darei satisfação e gozo em todos os dias de sua vida”.

Esses são meus irmãos, alguns tipos de vozes que muitos tem ouvido por aí a fora, formando um grande coral, como uma só voz, cantando uma só canção. E essas vozes tem um sentido definido, ou seja, elas querem destruir o sonho de muitas pessoas, os propósitos de muitas pessoas. Elas querem afastar Deus do coração de muitas pessoas, elas querem apagar a esperança em muitos corações.

A pergunta que eu me faço é: Que tipo de voz nós temos ouvido? Eu creio que a melhor voz para ouvirmos como uma melodia doce e suave, é a voz de Deus. É esta voz que precisamos ouvir.

No texto base desta mensagem, eu encontro um jovem (Samuel), que ouviu vários tipos de vozes antes de ouvir a voz de Deus. E eu quero hoje, aqui com você, analisar cada tipo de voz que Samuel ouviu, porque isto nos ajudará a discernir somente a voz de Deus:

1ª voz – A voz desconhecida (1Sm 3.4-5)

Samuel desconhecia aquela voz, até porque a palavra do Senhor era mui rara e as visões não eram freqüentes. Essa voz representa aquelas pessoas que ouvem a voz do Senhor, mais a desconhecem completamente. São pessoas que já ouviram a palavra de Deus, já se assentaram no banco de uma igreja, mas seus corações estão tão endurecidos e seus ouvidos tão insensíveis, que não conseguem discernir que esta voz desconhecida vem de Deus.

Essas pessoas estão como o próprio Jesus disse: “ovelhas exaustas e aflitas, que não possuem pastor”. E quando o supremo pastor, JESUS, as chama, elas não lhe seguem, e não lhe seguem por quê? Porque desconhecem a sua voz. Jesus disse em (Jo 10.27): “As minhas ovelhas ouvem a minha voz; e eu as conheço, e elas me seguem”.

Na realidade essa voz desconhecida, é a voz de Deus, e essa voz ecoa por toda terra, porém muitos endurecem o coração para ela, porque a desconhecem. (Hb 3.7a).

2ª voz – A voz da insistência (1Sm 3.6-7)

A Bíblia diz que o Senhor “tornou” a chamar a Samuel, ou seja, o Senhor insistiu em chamar Samuel, mais ele não atendeu mais uma vez. Mais veja que no versículo sete diz: “ainda não lhe tinha sido manifestada a palavra do Senhor”. Ainda não? Será que não? Na verdade, Deus já tinha usado de sua própria voz para chamar Samuel pelo nome, e agora Deus insiste nisso. Aqui nós vemos que o que Samuel precisava era de revelação da parte do próprio Deus, para ouvir a sua voz, e não de ouvir a voz propriamente dita. Era necessário que fosse “revelado a ele, manifestado a ele”.

A voz da insistência representa aquelas pessoas que Deus insistentemente faz com que ouçam a sua voz, mais elas não querem dar ouvidos. Elas sabem que quem está falando é Deus, são cientes que a voz é de Deus, mais se recusam a se dobrar perante esta voz. São pessoas até mesmo privilegiadas, por ouvirem esta voz: às vezes, mansa, às vezes silenciosa, às vezes poderosa, dizendo: “Venha estar comigo, volte-se para mim, venha ter comunhão comigo, venha cear comigo, eu prepararei um grande banquete”. Porém, são pessoas que desprezam esta voz abençoadora e insistente. Essas pessoas estão sempre tendo uma oportunidade dada pelo próprio Deus para estarem perante ele, mas fecham seus ouvidos, não querem lhe ouvir, mesmo assentados na casa do Senhor todos os dias. Para estes o Senhor tem algo a dizer (Is 66.4). 

“Quem tem ouvidos para ouvir, ouça o que o espírito diz a Igreja”

Bom seria se essas pessoas dessem ouvidos ao Senhor, como fazia  profeta Isaías (Is 50.4b, 5) “Ele me desperta todas as manhãs, desperta-me o ouvido para que eu ouça como os eruditos. O Senhor Deus me abriu os ouvidos, e eu não fui rebelde, não me retraí”.

3ª voz – A voz do chamamento (1Sm 3.8-9)

 O Senhor pela terceira vez chama a Samuel, ele vai ao Sacerdote Eli, e este entende que era o próprio Senhor quem o estava chamando. Eli era alguém que um dia compreendeu o chamado do Senhor, era alguém que ouvia a voz de Deus com intimidade, além disso, era um sacerdote. Por isso Eli pode dizer com propriedade a Samuel, que era o Senhor quem o havia chamado.

Esta voz representa aquelas pessoas que ouviram o chamado do Senhor e não o negam, e jamais a negariam. Esta voz representa todos os cristãos que sinceramente e corajosamente disseram sim ao chamado de Deus. Representa eu e você. Essas pessoas tiveram coragem e ousadia para escolher o caminho estreito, mais o caminho que conduz a vida (como disse Jesus), coragem para carregar a sua própria cruz(que simboliza vergonha, humilhação, ultraje), como disse Jesus. Cruz que nos salvou e nos libertou, apagando por completo os nossos pecados. Coragem para guardar os seus mandamentos que para o mundo é loucura e insensatez.

Muitos na Bíblia obedeceram ao chamado do Senhor: Abraão, Moisés, os santos, os profetas, os discípulos, os apóstolos. Esta é a voz que te chama para você ir para um reino de glória (1Ts 2.12/ 1Pe 5.10). Como você vai responder a esse chamado, positivamente ou negativamente?

4 voz – A voz da revelação (1Sm 3.10)

Finalmente Samuel consegue ouvir e compreender a voz do Senhor, então quando o Senhor o chama, ele diz: “Fala, porque o teu servo ouve”.

Essa voz representa aquelas pessoas que ouviram a voz do Senhor, a Palavra do Senhor na qual por revelação lhes foi manifestada. São pessoas sensíveis a voz de Deus, a Palavra de Deus, possuem uma capacidade para obedecer a Deus, fazer a vontade de Deus, e andar com Deus pela fé. Samuel depois de discernir a voz de Deus em sua vida, pode fazer tudo isso com temor e submissão.

As pessoas que compreendem a voz da revelação é porque receberam em seus corações a Palavra do Senhor, e por isso Deus se revelou por completo a elas, e Deus está sempre com elas. No versículo dez, lemos: “veio o Senhor, e ali esteve”. Deus agora estava bem mais perto de Samuel, porque Samuel lhe tinha compreendido a voz. Essas pessoas conseguem discernir a voz de Deus aonde estiverem, pois são capazes de quando o Senhor chamar, dizer: “Fala, que o teu servo ouve”. Essas pessoas possuem íntima comunhão com Deus, e por isso praticam a sua Palavra (Jo 14.21), amam a Deus, e Deus faz deles sua casa favorita (Jo 14.23), eles são ensinados pelo próprio Deus (Jo 14.26).

Deus está se revelando a você através da sua Palavra, ele deseja se mostrar a você por completo de uma forma bem pessoal. E fazendo isso você terá a capacidade de discernir esta voz e dizer: “Fala, porque o teu servo ouve”. No entanto, você precisará compreender a significação desta voz! E para isso vai precisar abrir os seus ouvidos espirituais. Porém, se o fizer você será a pessoa mais feliz deste mundo, porque vai passar a andar com um Deus fiel, clemente, e rico em suas misericórdias.

A voz desconhecida pode se tornar na voz da insistência que obedecida se tornará na voz do chamamento que bem compreendida se torna a voz da revelação!

Que Deus te abençoe rica e abundantemente,

Pr. Flavio Muniz

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Conteúdo de qualidade

Palavra de Nova Vida - Pr. Flavio Muniz

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...